Detalhes do Artigo

Aquela Música

Barrados No Baile – 1983

Eduardo Dusek

Ela num macacão de plástico
Ele com o corpo elástico
Pensaram em se divertir
Fizeram muito Cooper, ginástica
Ligados numa muito bombástica
Aplicados para não dormir
Ela se sentia incrível
Ele se achava reversível
Disseram somos gente de nível
Um casal vinte daqui
Mas foram barrados no baile
Tratados como maus elementos
Lá dentro rolando Bob Marley
Cá fora por favor documentos
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
Tentaram argumentar somos chiques
Ele de leve sugeriu um trambique
Lhe deram uma bofetada
Pensando que a finesse não importa
Ela gritou olha que eu arrombo essa porta
Já levando uma pernada
O plástico e a plástica não são nada
Mesmo gente considerada
Saca que qualquer prive é cilada
Se não for peixinho não nada
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
A dupla que era chique na entrada
Amarrotada teve que sartar
Ainda foi vista pela madrugada
Comendo um hot dog vulgar
Pois foram barrados no baile
Tratados como maus elementos
Lá dentro rolando Bob Marley
Cá fora por favor documentos
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
Barrados no baile, oh-oh
Só viviam dando detalhe
Barrados no baile, oh-oh
E meu amor nem me fale
Mas isso é que dá
Cê querer frequentar
Isso é que dá
Cê querer frequentar
Isso é que dá

Share
Categoria Vídeos
Tags

Outros Artigos

Nada Encontrado